Curta nossa fanpage

Curta a página dos editores

Pesquisar:

BLOG FALANDO DE DANÇA, BY LEONOR COSTA

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Eles chegaram lá!!!! Carine Morais e Rafael Barros são os campeões do World Salsa Open!!!

Pela primeira vez, um casal brasileiro ganha a primeira colocação no mais famoso campeonato internacional de salsa do mundo!

Vejam o vídeo da coreografia vencedora:


O Jornal Falando de Dança acompanha desde o início a carreira desses dois abnegados, que sem qualquer patrocinador conseguiu levar o nome do Brasil ao ranking mundial de salsa.

Rafael Barros é bicampeão nacional do Salsa Open etapa Brasil e Carine Morais é tricampeã no mesmo campeonato.  Carine passou vários meses aqui no Rio, se especializando em samba com Jimmy de Oliveira, tendo feito apresentações com o mestre do samba funkeado.  Estabelecida em São Paulo, ela vem se dedicando há vários anos à especialização em salsa.

Segue abaixo a entrevista do Jornal Falando de Dança com Carine Morais, tão logo ela chegou ao Brasil.

1. Sobre a autoria da coreografia vencedora: "Todo o trabalho coreografico é nosso. Não temos coreografo nem diretor. Trabalhamos sós. Temos apenas treinador fisico."

2. Sobre a preparação: "os ensaios são relativos .. no mínimo 4 horas por dia .. tem dias que não temos que correr atrás de nada e conseguimos ensaiar pela manhã e pela tarde..."

3. Sobre patrocínio: "Não temos patrocínio. As passagens, os 4 dias de hospedagem e a inscrição do Open são pagas pelo congresso do Brasil, pela vitoria no campeonato em 2009. Temos apoios da Academia Passos e Compassos, que libera a escola pra ensaiarmos durante todo o dia a quantidade de horas que precisamos e da Calejero, uma marca de roupa de salsa, que veste a gente para aulas e workshops. Patrocinio financeiro, nenhum."

4. Que outros casais brasileiros disputaram o campeonato? "Esse ano de 2010 foram apenas 2 casais, nós e Patrick Oliveira e Fabiana Terra."

5. Quais foram os três primeiros colocados e países de origem? "Carine Morais e Rafael Barros - Brasil; Licelot Maoldonado e Kelvin Hernandes - Puerto Rico e Venezuela; e Anita Santos e Adrian Rodrigues - Espanha,"

6. qual foi a maior dificuldade que sentiram na disputa:  "Nos preparamos muito pro campeonato, porém não sabiamos o que esperar dos outros casais ... não sabíamos a força com que vinham. O mais difícil, sem dúvidas, foi a quantidade de ensaios. E na hora que passamos da primeira etapa, em primeiro lugar em coreografia, fomos dançar a semi-final em seguida ... nos desequilibramos em uma pegada e saímos do palco achando que não íamos passar pra final. Chorei muitooooo, porém nossa coreografia era muito forte e passamos pra final em 4 lugar."
7. Deram aulas no evento? "Não demos aulas .. e de certa forma achamos melhor. Assim, nos concentramos mais pra competição .. Não tínhamos outro foco."

8. Planos para o futuro? "Agora é trabalhar mais... ensaiar muitooo mais ... viajar ... estamos muito concentrados no futuro. Não sabemos ainda  que eventos vamos fazer, acabamos de chegar no Brasil. O objetivo é correr mais atrás, evoluir mais ainda."

9. Muitos convites para workshops? "Muitos!  Antes do campeonato mundial já estavámos com a agenda cheia até novembro, por todo o brasil. Com isso, acho que não conseguiremos viajar pra fora do país agora.  Estamos recebendo muitas propostas, mas temos que ver todas e decidir quais vamos aceitar, porque as datas acabam se batendo."

10. Estão dando aulas regulares onde? "Damos aulas regulares na Academia Passos e Compassos, DM e Academia Let's Dance. Mas o nosso maior número de alunos são particulares, nunca conseguimos ter muitas turmas por conta das viajens que já fazemos devido aos outros campeonatos que participamos."

"Queríamos agradecer imensamente ao Jornal Falando de Dança por todo o carinho, apoio e atenção que sempre tiveram com a gente - isso muito antes de ter ganhado o primeiro campeonato. Obrigada de coraçãoo."  Carine Morais.

Saiba Mais:
  • AQUI, saiba o que é o Salsa Open (postagem de 03/11/2007) 
  • AQUI e AQUI, saiba sobre o Salsa Open etapa Brasil, que ocorre durante o Congresso Internacional de Salsa em São Paulo.
  • AQUI, informações sobre o II Dansal (Dança de Salão Natal), dentro do qual ocorreu a etapa regional nordeste do Salsa Open 2007.
  • AQUI, informações sobre o Salão Nordeste/2008, realizado em Recife/PE, que abrigou a etapa regional nordeste do Salsa Open 2008.
  • AQUI, nossa primeira entrevista com Carine Morais e seu então parceiro, Paulo Burracha, em 2007, quando tiraram a primeira colocação no Brasil Salsa Open daquele ano.
  • AQUI, entrevista com os segundos colocados do Brasil Salsa Open 2007, Ana Paula Moraes e Éder Farias.
  • AQUI, entrevista com Nayara Melo e Fernando Schellenberg, cariocas que venceram a etapa SP do Brasil Salsa Open, em 2007.
  • AQUI, postagem sobre a finalíssima do Brasil Salsa Open 2007 com os vídeos dos três primeiros colocados.
  • AQUI, nossa postagem sobre o World Salsa Open 2008, onde nossos profissionais de dança ministraram aulas.
  • Clique AQUI para ver nossas postagens sobre nossos profissionais de dança que ensinam os ritmos brasileiros no exterior.
  • Clique AQUI para ver nossa entrevista com Tarcísio Teatini-Climato, o precursor do ensino de danças brasileiras na Austrália (vale a pena ler sobre sua experiência, sobretudo aqueles que querem crescer profissionalmente).
  • Clique AQUI para ver as postagens de vídeos no YouTube sobre o Brazilian Brisbane Congress, Austrália, com apresentações de Adílio Porto, Jaime de Jesus e Rodrigo Delano, dentre outros, além de clipes de alguns workshops.
  • Clique AQUI, AQUIAQUI para ver nossas matérias sobre Kadu Pires e Laryssa Thayanne, que dão aulas na Austrália.
  • Leia AQUI artigo de Alex Lima, professor de danças brasileiras radicado na França, sobre a influência de ritmos estrangeiros em nossas danças de salão (forró e samba, principalmente).
  • Leia AQUI nossa entrevista com Alex Lima, que nos conta sobre seu trabalho no exterior.

Nenhum comentário:

Postagens populares