Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2007

Dancesport - já ouviu falar?

Sabe aqueles filmes estrangeiros em que casais aparecem em trajes de gala em uma arena, enorme número fixado no paletó do cavalheiro, bailando para um grupo de jurados e tendo uma multidão a observá-los na platéia? Pois é, a cena retrata uma competição de dança esportiva (“dancesport”), também conhecida como dança de salão internacional ou dança competitiva. Como o nome já diz, é uma dança especialmente dirigida a competições, diferentemente da dança de salão como a conhecemos aqui no Brasil, que objetiva diversão e integração social.

“A dança esportiva nasceu no início do séc XX e tem como órgão máximo a IDSF – Federação Internacional de Dança Esportiva – que conta com mais de 4 milhões de atletas membros em 81 nações. As competições podem ser divididas em danças latinas e danças standard, ou serem semelhantes a um decathlon. Seus eventos costumam ser transmitidos para mais de 150 milhões de lares em todo o mundo, sendo que só recentemente a Dancesport tornou-se representada na Améric…

Eventos cobertos por mim

Festa Brega & Chique, by Glorinha & Emília


Este foi o baile temático de São João que Glorinha & Emília organizaram no domingo passado, dia do santo (24/06).
Ambiente caprichosamente decorado pelas promoters, que não se esqueceram de detalhes, como os trajes típicos dos garçons, as comidas típicas no cardápio e até a capelinha onde foi realizado o casamento caipira, que contou com todo o elenco devidamente paramentado e ensaiado. Até o dj Murilo e os rapazes do TriniDance aderiram ao clima, assim como muitos dos frequentadores, que participaram da quadrilha - como se poderá conferir no photo-album (clique aqui para acessá-lo) e no vídeo com o compacto da festa (em fase de edição). A simpatia das promoters e o bom repertório do Murilo e do TriniDance garantiram a pista cheia o tempo todo. Mas, até aí, nenhuma novidade. Lembrando que o baile Domingos Dançantes de Glorinha & Emília acontece sempre a partir das 20h no Olympico Clube, em Copacabana, com desconto no ingresso pa…

Teatro e dança: O Baile

Estreou na quinta-feira passada, dia 21, o espetáculo O Baile, baseado na peça francesa de Jean-Claude Penchenat, que deu origem ao filme homônimo de Ettore Scola, de 1983. O fio condutor da peça é a reunião de um grupo de amigos nas pistas de dança, durante 4 décadas, retratando, assim, toda a evolução do período em termos de trilha sonora, vestuário e comportamento bem como acontecimentos históricos. Por determinação de seu criador, a montagem da peça deve acompanhar os momentos históricos vividos no país em que está sendo encenada. Assim, o espetáculo apresenta aqui, através da música e da dança, quatro décadas da história do Brasil, do suicídio de Getúlio Vargas, passando pela Copa de 58 e pela joven guarda. São 25 atores dançando, com participação de Carlinhos de Jesus, com 150 figurinos e 89 clássicos da MPB. Minha amiga e jornalista Juliana Prestes foi assistir à peça e se encantou:
"Não só a escolha do repertório é fantástica, como também toda a pesquisa de figurinos, o t…

Teatro e dança: Com o Brilho do Teu Olhar

Termina neste sábado, dia 30/06, a temporada do espetáculo Com o Brilho do Teu Olhar, no Teatro dos Quatro.
O musical tem duração de 80 minutos e conta com a participação de 12 bailarinos, incluindo o próprio Jaime Arôxa, que se apresenta com a parceira Bianca Gonzalez em quatro números.
As modalidades apresentadas durante o musical são frevo, tango, jazz, slow fox, salsa, zouk, samba de gafieira, bolero, tango, valsa e contemporâneo, numa coletânea com as doze performances mais importantes dos 25 anos de carreira de Jaime Arôxa.
O Teatro dos Quatro fica na R. Marquês de São Vicente, no Shopping da Gávea. Inf. 2274-9895.
Ficha Técnica
Coreografia e direção: Jaime Arôxa
Bailarinos: Maria Roza Arôxa, Priscila Mendes, Monique O´ttati, Camila Delphim, Andrey Alves, Gláucio Costa, Marlon Rodrigues, Josuel Schimiads, Gustavo Ribeiro, Rogério Mendonça, Jaime Arôxa e Bianca Gonzáles

Leia Mais:
outras postagens neste blog sobre Jaime Arôxa e integrantes de sua cia de dança.

Eventos cobertos por mim

Tenho me divertido muito nesses bailes temáticos de dança de salão. O baile de São João do Carlinhos Maciel, no Olympico Clube, na última quarta, dia 20, teve comida típica, apresentação de forró, dança do aniversariante da noite e uma quadrilha improvisada onde ninguém se entendia (rs). Até na hora do casamento deu confusão. Pista cheia e muita animação com o grupo Bossa Total (com integrantes da Paratodos). Atualização de postagem: Clique aqui para acessar o photo-album.Clique aqui para ver a dança da quadrilha.Clique aqui para ver a apresentação de forró de Marcos Vinícius.

www.votecristo.com.br

O Cristo já está entre os dez primeiros na votação para as sete maravilhas do mundo moderno. Não deixe de dar seu voto. A votação termina dia 30 e o resultado será divulgado em Lisboa, dia 07 de julho.

Eventos cobertos por mim

Fomos conferir o Baile dos Enamorados, tema do Domingos Dançantes organizado por Glorinha & Emília no Olympico Club, em Copacabana, em homenagem ao dia dos namorados, dia 17 último. Um doce pra quem adivinhar a cor do baile temático. Na foto acima, Glorinha ladeada por amigas que aderiram ao traje vermelho da noite. Nas demais fotos, flagrantes do ambiente da boite e dos parabéns das aniversariantes da noite. No próximo domingo, o tema será Brega & Chique, já que será noite de São João. Ainda hoje postarei a cobertura do baile de São João que aconteceu nesta quarta no mesmo clube, organizado por Carlinhos Maciel.








A dança na mídia

A propósito do assunto polêmico da postagem aí embaixo, reproduzo a seguir um texto de Carla Salvagni* que circulou em seu ejornal de julho de 2006, sobre o quadro Dança dos Famosos do Domingão do Faustão.

"Sobre a dança de salão na TV, nosso comentário é muito simples: ainda que haja muita coisa que nos desagrada em termos de informação SOBRE a dança, tem sido muito positiva a divulgação, a valorização e a exposição da dança de salão.

As pessoas que não conhecem e não praticam dança de salão já apresentam certo conhecimento, coerência em suas opiniões: acrobacias com pernas abertas da dama não agradam ninguém, interpretação exagerada e pouco natural não faz sucesso, excesso ou falta de condução começam a ser percebidos, jurados incoerentes. O melhor que poderíamos esperar - visão crítica!

Chega de achar que público não sabe nada, subavaliar observadores que não dançam! É preciso apresentar um bom trabalho! Respeitar as características de cada ritmo (gêneros musicais), escolher músi…

A dança na mídia

Dança dos famosos IV acaba em barraco

Bem, uma vez me disseram que manchete dizendo que cachorro mordeu uma criança não vende tanto jornal quanto dizer que uma criança mordeu um cachorro. Portanto, não resisti e experimentei aqui um título sensacionalista para chamar sua atenção, leitor (rs).

Mas o fato é que de todas as etapas que assisti desse quadro esta, que escolheu o casal campeão, por pouco, pouco não terminou em barraco mesmo.

Aliás este foi o assunto que agitou hoje algumas comunidades de dança do Orkut, como a comunidade Dança de Salão RJ (link ao final desta matéria).

Isso porque Carlinhos de Jesus, que, diga-se de passagem, é o que mais polemiza quando participa como jurado técnico do programa, decidiu levantar uma discussão justo no momento final da competição. Quis o destino (ou a produção do programa) que ele, que sempre argumentou a respeito da postura dos casais concorrentes e (veneninho circulando na net) tinha um componente de sua cia de dança como finalista, ficasse p…

Dança Senior

Um jeito divertido de se exercitar e fazer amizades

Lançada na década de 70, na Alemanha, a dança sênior rapidamente se popularizou entre a população idosa dos países europeus e agora está em franca expansão no Brasil, sobretudo nos estados do sul e sudeste. Com o crescente aumento do número de brasileiros de meia e terceira idade, e de seu poder aquisitivo, essa modalidade de dança, divertida e fácil de aprender, pode vir a ser mais uma oção na grade de cursos oferecidos por nossos profissionais de dança.

A história
Tudo começou na década de 70, na Alemanha, quando a pedagoga social Ilsen Tutt, em visita ao ancianato onde se encontrava a sogra, foi por esta questionada: "você sempre dança com a geração nova, por que não dança com os idosos?".
A questão levantada levou Ilsen a trocar idéias com um grupo de pedagogos sociais sobre a atividade com idosos em ancianatos e a desenvolver a idéia de se criar uma modalidade de dança que considerasse suas limitações motoras e mentais. Er…

Diversão

Leia a história antes de ver o vídeo!

As contas de água de Jennifer e Luke estavam chegando altas demais.
Eles sabiam que aquele valor não representava o que eles consumiam.
Apesar de tentarem economizar água, as contas continuavam a vir altas.
Chamaram um bombeiro hidráulico para checar todas as instalações hidráulicas.
Não havia nada errado.
Um dia Luke adoeceu e ficou em casa, de cama.
Então ele ouviu o barulho de água correndo pelo encanamento, se levantou e, finalmente, descobriu o que vinha acontecendo todos os dias quando eles não estavam em casa.
Sabendo que poucos iriam acreditar, ele filmou a "cena" para a posteridade.
Agora, veja vídeo em anexo.
(Contribuição de Elza Moreira, do site www.momentosdetango.com.br)


É igualzinha à minha gatinha Pipoca, só que a minha só sabe destruir sofás e tapetes (rs).

Curiosidade

Você já viu um rio passar por cima de outro?
Pois isto existe, em Magdeburg, Alemanha.
O Wasserstrassenkreuz (cruzamento de hidrovias) é um canal-ponte sobre o Rio Elba, que conecta as redes de vias navegáveis das antigas Alemanhas Ocidental e Oriental.
A iniciativa fez parte do projeto de reunificação nacional, implementado após a queda do Muro de Berlin.
Sua principal função é facilitar o comércio entre as duas ex-nações.
O Wasserstrassenkreuz é o mais longo 'viaduto' da Europa, com 918 m de extensão.
Conecta à porção leste do Mittellandkanal, com o trecho oeste do Elba-Havel-Kanal.
A obra, aberta ao tráfego de mercadorias durante todo o ano, consiste numa ponte principal, com 228 m de extensão - subdividida em 3 trechos - e um canal com 690 m.
A construção demorou 5 anos.
(Contribuição de Lucídio Moraes.)

Enquanto isso, em nosso país, de tão grandes recursos hídricos e com tamanha costa, não se incentiva a navegação de cabotagem e passageiros...

Eventos cobertos por mim

O próximo Baile das Rosas, organizado por Marlene Oliver no Amarelinho da Cinelândia, será nesta segunda, a partir das 19h, com a participação de dançarinos contratados pela promoter para não deixar nenhuma convidada sentada.

Como tivemos a oportunidade de comentar aqui, quando falamos de Marlene Oliver, a promoter procura sempre abrir espaço em seus eventos para a apresentação e homenagens aos profissionais de maior destaque na dança de salão.

No último Baile das Rosas que cobrimos, dia 09/04, o homenageado da noite foi o prof. Bebeto Sampaio (na foto acima, com Marlene).

O professor Bebeto Sampaio dá aulas há 32 anos. Seu mestre foi Waldyr de Matos, era assíduo frequentador dos tempos da dança de salão no circo voador e dos bailes do casal Elza e Annibal no Sírio e Libanês. Tem academia em Cascadura e Niterói mas também ministrou aulas em Campo Grande, Mato Grosso, Maceió e Brasília. No Rio, formou uma leva de professores da zona norte e de Niterói, como Cláudio Almeida, Arlen, Bia Ri…

Mais um evento coberto por mim

Foi no dia 05/06, na Terça Nobre do Bola Preta, organizada por Geraldo Lima. Casa lotadérrima com os fãs da Banda Paratodos, que ali comemorava seus 3 anos de fundação, com um bolo super original (foto).
Mas outros assíduos frequentadores também aproveitaram o alto astral para comemorar ali seu niver.
Mara Santos, por exemplo, trouxe uma verdadeira caravana de Niterói e São Gonçalo para se juntar aos amigos do Rio e assoprar a velinha, ao lado da mãezona orgulhosa (foto).
Paulo Henrique (de blazer branco), diretor do Clube dos Democráticos e do Helênico Clube, também reuniu ali um grande número de amigos para comemorar mais um ano de vida. Em destaque na foto, as camisetas personalizadas da Banda Paratodos, que vestiam a esposa Marina (à esq.) e a amiga Egídia (à dir.). Aliás, grande número de fãs desfilava com camiseta e até vestidos com a logo da banda.
Além de estar em um ótimo baile, tive a grata surpresa de ser homenageada por Carlos Brito, da Duo Brasil Produções, pelo meu trabalho…

Eventos cobertos por mim

Conforme noticiado aqui recentemente, Léa & Dorita transferiram sua festa semanal das quintas-feiras para a boate The Office, na R. Aires Saldanha 92, Copacabana. Estivemos lá no baile de estréia, dia 07/06, e tivemos a grata surpresa de encontrar um ambiente super agradável (estilo Sol & Mar só que mais confortável), com música ao vivo com a Banda Classic Rock (mas Léa frisa que o dj é o mesmo), cozinha de primeira (aliás, aberta a quem quisesse conferir), garçons simpáticos e um bom esquema de segurança. Vale a pena conferir o ambiente fotografado por mim, clicando aqui. Desnessário dizer o quanto o baile encheu.

Outro evento que bombou foi o aniversário do promoter Carlinhos Maciel (na foto ao lado da mãe, da filha Rosana e dos netos), em seu baile das quartas no Olympico Clube, em Copacabana. Foi no dia 18/04, contando com a presença de alguns destaques da dança de salão, como Bob Cunha e Aurya Pires, que fizeram uma apresentação de tango. Rosana Maciel e Rogério Reis tamb…

É hora de tirar a roupa caipira do armário!

Por mais marmajões que sejamos, a gente sempre recorda com carinho e nostalgia as festas juninas de infância e qualquer deixa é a oportunidade para revivê-las, com discretos adereços ou mesmo investindo em traje a caráter, como as meninas do Centro Cultural Carioca aí da foto. As academias e promoters de baile, claro, não deixam escapar a oportunidade para turbinar seus bailes com o tema, enfeitando os salões e oferecendo até comidas típicas.

Um pouco de história
A festa junina é uma comemoração originada da Festa Joanina, festejo europeu em homenagem ao nascimento de São João Batista. Trazida pelos portugueses, ela virou festa muito tradicional por aqui, principalmente no interior, sempre com muita fogueira (que ancestralmente servia para afastar as pragas e trazer boa colheita), fotos e bombinhas (para afastar os maus espíritos) e balões (que subiam ao céu levando pedidos aos santos).
A maior de todas as festas juninas do Brasil acontece em Campina Grande, na Paraíba, embalada pelo som…

Quem é Você

As promoters Léa e Dorita transferiram seu baile semanal das quintas-feiras para a boite The Office (R. Aires Saldanha 92a, esquina com R. Miguel Lemos, Copacabana), com estréia para esta noite, a partir das 20h.

Com a mudança, Léa e Dorita esperam satisfazer seu público de gatonas e gatões de meia-idade que preferem o ambiente mais acolhedor de uma boite, já que eles gostam mesmo é de dançar de rosto coladinho. Reiniciam, assim, mais uma etapa em suas carreiras de promoters, que já vem de longa data. "Comecei em 82 com um ex-sócio. O rock reinava nas boites, que se concentravam - como ainda se concentram - em um público muito jovem. Aí começamos a divulgar uma opção para a turma mais madura", conta-nos Léa Brandão, que mais tarde, já em parceria com Dorita, levou o evento para a programação regular de famosas casas noturnas, como Café Nice, Gaúcha, Chico's Bar, Sol & Mar, Prelude, Top Beer e, agora, a boite The Office. "Em nossos eventos, menores de 35 anos só a…

É hoje: três anos da Paratodos, em baile no Bola Preta

Hoje, na Terça Nobre do Clube da Bola Preta, baile especial com a Banda Paratodos, em que esta comemora três anos de fundação. Organização Geraldo Lima (inf. 2527-2300). Estaremos lá para registrar. Enquanto isso, fiquem com mais um clipe inédito da apresentação da banda na Terça Nobre do dia 03/04, com performance do crooner Alexandre Meritello (foto).

Eventos Cobertos por mim

Valdeci de Souza comemorou seu aniversário dia 27/05 na Domingueira Dançante do Clube Fluminense que organiza semanalmente com Elir Raposo (ambos à direita da foto). Presentes várias figuras de destaque da dança de salão carioca, como Aparecida Belotti (comigo, à esquerda da foto). Se você esteve no evento, aguarde a publicação do compacto que estou editando com os dançarinos na pista. Enquanto isso, clique aqui para ver as fotos que tirei do belíssimo salão e de alguns dos presentes.
.
.
.
.
.


Conforme noticiado na seção Quem é Quem da semana passada, a promoter Glorinha comemorou seu niver dia 03/06, na festa Domingos Dançantes que promove semanalmente na boite do Olympico Club com sua sócia Emília. Ambiente super animado e farta distribuição de bolo e doces. Clique aqui para acessar o photo-album. . . . . . . .


Minha amiga Mariza Almeida (à esq. da foto) faz aulas de dança na Academia Jimmy e no Centro Cultural Carioca, tendo escolhido o "Baile da Meia Noite", realizado às sextas no C…

Woodstock 1969

Quem era ao menos "aborrecente" em 1969 certamente ouviu falar deste festival americano que reuniu as maiores figuras do rock e country americano de então. E como naquela época as coisas refletiam por aqui com um certo atraso, mesmo eu não tento discernimento na época para compreender o que se passava em termos de geo-política e revoluções sociais, ainda peguei a repercussão deste evento no início dos anos 70, curtindo com a turma os sucessos daqueles que ali se destacaram, como Joe Cocker, Jimi Hendrix, Santana, e outros. Tenho tanto material a respeito que ainda estou avaliando se posto aqui ou crio um blog específico (estou ficando fera nisso, he, he, he). Enquanto não me decido, coloco aqui um dos maiores destaques do festival: Janis Joplin, em emocionante interpretação de Cry Baby.

Um pouco de história

Madame Poças Leitão
Por Carla Salvagni* Louise Frida Reynold Poças Leitão é o nome completo de Madame Poças Leitão, que chegou em São Paulo em 1914, deixando Lousanne, na Suiça.

Logo percebeu que os jovens das famílias mais abastadas necessitavam urgentemente de noções básicas de etiqueta. Fundou então a aristocrática “Escola de Dança de Salão e Boas Maneiras”**, em São Paulo. A dança de salão estava incluída no conhecimento básico de etiqueta, era indispensável na vida social requintada.

Madame Poças Leitão representou a primeira (senão única) e mais importante escola de dança de salão nas classes altas, em contraste com inúmeros professores que atuavam principalmente na periferia de São Paulo e Rio de Janeiro, vários associados às casas de prostituição e/ou bailes populares (mas isso já é outra história, que oportunamente trataremos).

Assim, graças a essa divisão por classe econômica e nível social do início do século, até hoje define-se duas linhas básicas de trabalho e duas histórias …