Pular para o conteúdo principal

Cineasta e dançarina da Nova Zelândia, Rowena Baines estreia documentário "Favela Beat"



O documentário, realizado em 2012, ainda não tem estreia prevista no circuito comercial, já que a cineasta pretende inscrevê-lo em festivais internacionais este ano. No entanto, no domingo, dia 12/05, ela mostrou o filme em primeira mão aos moradores da comunidade do morro do Cantagalo, onde ele foi rodado. 

O filme foi exibido no Bar Gilda, no Cantagalo, seguindo-se apresentações de dança e música ao vivo. 

Marco Antonio Perna (site Agenda da Dança de Salão Brasileira) esteve presente à avant-première e fará uma matéria a respeito na edição de junho do Jornal Falando de Dança.

Sobre o documentário
FAVELA BEAT (30min documentário)
‘Um ritmo que o nem o Estado podia resistir. O samba, uma vez perseguido, passou a representar a identidade brasileira.


O samba tornou-se parte fundamental da vida Brasileira, em grande parte devido à luta afro-brasileira para proteger e preservar sua cultura. 

Essa dança e gênero musical, antes marginalizados, agora atraem visitantes de todo o mundo para o carnaval, oferecendo oportunidades de emprego para aqueles nas favelas onde o samba se originou. O samba une pessoas de diferentes idades, raças, religiões e classes com um motivo comum: celebrar. 

O "Favela Beat" é um documentário sobre o efeito positivo do samba nas comunidade do Rio de Janeiro e cobre a história do samba e no que ele se tornou hoje em dia. Há momentos especiais, quando os dançarinos talentosos da favela se misturam com nomes famosos ligados ao samba: os dançarinos Carlinhos de Jesus, Carlos Bolacha, Patrick de Carvalho e integrantes da Cia Dom, o cantor Rogê e mestre Monarco, da Portela, dentre outros. 

O filme tem muita energia, talento, histórias fascinantes e uma mensagem forte que a cineasta quer levar pelo mundo afora. ‘Favela Beat’ mostra o talento que está escondido no morro do Cantagalo, os projetos socais e a paixão das famílias que têm quatro gerações de samba. 

Assista abaixo o teaser do filme.



Conta também sobre a luta da velha guarda, na época de perseguições, e a glória, quando o samba virou patrimônio cultural. O filme inspira e ilumina. E, já que o mundo do samba não caberia numa meia-metragem, Rowena Baines voltou a filmar sobre o mesmo assunto, agora para um longa-metragem.


Sobre a cineasta
Rowena Baines já era conhecida no Brasil pela sua fotografia de dança, mas fez um mestrado na área de documentários para tornar-se cineasta. Ela, sendo dançarina, é apaixonada pela cultura brasileira e vem frequentemente ao Brasil, onde conheceu a vida nas comunidades dos morros cariocas. 

Cansada de ver filmes focados no lado negativo da comunidade, sempre ligados a drogas, ao tráfico, ao crime e à pobreza, a cineasta decidiu fazer um documentário mostrando o efeito positivo da música e dança dentro das favelas e sua importância para a identidade cultural de seus moradores.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dançando na natureza: Pousada Faraó

Dia 31/05 fomos tomar café da manhã com Margarida Mittelbach, na Pousada A Marca do Faraó, em Cachoeiras de Macacu.





Uma promessa antiga agora cumprida, pois há muito a Margarida nos convida para conhecer as instalações de sua pousada, onde organiza trimestralmente um final de semana com oficinas de dança, bailes e atividades de lazer.








Realmente, um lugar aprazível, com lago com caiaque, lago para pesca, cachoeira, rios, boliche, sauna, jogos de mesa, enfim, toda uma infra-estrutura de pousada.











Mas, como estamos tratando com amantes da dança, todas essas opções de lazer eram supérfluas pois o que importava mesmo eram as aulas, em três ambientes distintos, onde se revezaram os professores Juarez (Itaguaí), Edu Cigano (Friburgo), Carlinhos (Jaime Arôxa Niterói), Valdeci de Souza e Jimmy de Oliveira.

Circulando: aniversário de Renata Peçanha

Dia 24/05/08 a professora Renata Peçanha comemorou seu aniversário com um super baile no CIB, em Copacabana.


Nossa musa do zouk fez várias apresentações com parceiros variados...


... dentre os quais, o dançarino Kiko.


Além de sua cia de dança, outros profissionais abrilhataram sua festa com apresentações especiais, como Fernando Schellemberger e Nayara Mello, campeões de salsa...


... e o professor vencedor da Dança dos Famosos V, Alvaro Reys, que fez duas apresentações com sua partner Helena Fernandez.

Além do Jornal Falando de Dança, vários representantes da imprensa especializada estavam presentes.

Destacamos aqui o trabalho de 4 jovens que se juntaram para fundar mais um site dedicado à divulgação dos eventos de nossa comunidade - o Arrasa no Blog -, responsável pela maioria das filmagens que reproduzimos a seguir.

Veja nosso photo-album AQUI.Veja mais fotos deste evento no Arrasa no Blog.Próximo evento de Renata Peçanha será o Zouk 14, a partir das 22h, em sua academia, no Centro do Rio.…

Personagens da nossa história: Mário Jorge, o Rei dos Salões

Mário Jorge, o Rei dos Salões

Ele foi um dos maiores dançarinos – se não o maior – de nossos salões. Isto dito por inúmeras testemunhas que o viram criar nas pistas movimentos hoje incorporados definitivamente aos ritmos dançados a dois. Um trágico acidente o retirou das pistas e ele virou lenda. Décadas mais tarde, ao ser homenageado em um evento, eis que ele encontra a mulher da sua vida, que o ajudaria em sua reabilitação e o colocaria novamente sob as luzes dos holofotes.

Estamos falando de MÁRIO JORGE MESSIAS MATOS, o “rei dos salões”, como era chamado nos anos sessenta, que recentemente oficializou sua união com D. Íris Neira, queridíssima administradora da Academia Carlos Bolacha. Foi o casamento mais comentado dos últimos tempos (foto abaixo). “Nem provei do buffet, pois não paravam de nos fotografar”, comentou Íris.
.
Empenhada em pesquisar e divulgar a história do marido (“muitas fotos se perderam e, dos filmes, só consegui recuperar dois, que precisam ser restaurados”), Íris p…