Pesquisar:

BLOG FALANDO DE DANÇA, BY LEONOR COSTA

domingo, 29 de julho de 2007

Orkut

Meninos, eu vi!



Conta-se que uma vez falaram pro Tim Maia (cantor, já falecido, useiro e vezeiro em faltar a compromissos) que camelôs já estavam vendendo camisetas de seu show com dizeres tipo "Eu vi!", ao que ele teria respondido que comprar a camiseta antes do show talvez fosse uma "furada", já que ele ainda não tinha comparecido. Recordei essa estória lá na comunidade do Orkut "Dança de Salão RJ", quando, após a 130ª postagem combinando um encontro dos membros em baile dançante, um deles já postou scrap querendo marcar o segundo encontro! Sugeri aguardarmos, antes, a realização do primeiro, objeto de postagem da segunda-feira passada. Diante de tantas confirmações de presença, um outro membro registrou o receio de que o bolo das duas aniversariantes da noite não seria suficiente. Novamente sugeri: melhor não comer bolo do que levar bolo! E foi assim, brincando ora com o entusiasmo, ora com a descrença, que me dirigi nesta sexta ao Centro Cultural Carioca para o encontro dos "orkuteiros dançarinos". Por via das dúvidas, reservara duas mesas com o Kadu. Por via das dúvidas, cobri meu botton do encontro com a jaqueta, aproveitando a desculpa da noite invernal. Chegando lá, ocupei a mesa reservada e olhei em volta, procurando alguém com botton. Ninguém. Só depois que tirei a jaqueta e assumi o mico, digo, compromisso, é que começaram a se aproximar algumas pessoas. Também de jaqueta ou casaco. Timidamente, revelando seus bottons. Imagina, imprimiram do tamanho de um pin e ainda estavam com vergonha. Ah, não, tasquei em cima do pin o botton extra 6x6 que tinha levado! Tá na chuva é pra se molhar, né não? E aí foram se chegando uma, outra, outra, outra, UM, outra, outra, outra, UM, outra, outra, outra, UM... revelando o que, pra variar, seria a desproporcionalidade entre damas e cavalheiros. Estes, além de inibidos no meio de pessoas que acabavam de conhecer (as mulheres, vocês sabem, sempre se entrosam rapidamente), ainda tiverem que dar conta de dançar ao menos um música com as colegas - afinal essa era a proposta do encontro. E não é que tudo acabou dando certo!!!! Deu pra conversar, pra dançar, pra fazer piada com o colega que

desapareceu após o corte do bolo (abduzido?), do outro que confirmou diversas vezes que viria e não apareceu (ou estava presente e não tirou o manto da invisibilidade porque era tímido?), do pisão que dei no pé do primeiro colega que me tirou pra dançar (aff), do bolo que acabou sobrando... Kadu Vieira, no comando do som, foi super gentil e homenageou o grupo, além de fazer uma roda de samba com as aniversariantes da noite, como pode ser conferido no vídeo aqui embaixo. Se estivessem vendendo camisetas, eu compraria uma no final do encontro. Com os dizeres: "Meninos, eu vi!"


Para acessar as fotos deste evento, clique no link do site da kodak:
http://adobe.kodakgallery.com/Slideshow.jsp?mode=fromshare&Uc=6lnzmp11.803hgsfh&Uy=9pyhba&Ux=1

Nenhum comentário:

Postagens populares